Ferramentas Pessoais
a a a
Resenhas / Stephen Hawking, enfim para leigos

Stephen Hawking, enfim para leigos

Físico britânico reescreve Uma breve história do tempo e discute a origem e o destino do universo

Por: Franciane Lovati

Publicado em 26/12/2005 | Atualizado em 07/12/2009

Desta vez Stephen Hawking acertou. Depois de duas tentativas frustradas, a primeira com Uma breve história do tempo (1988) e a segunda com O universo numa casca de noz (2001), o autor de best-sellers de divulgação científica finalmente conseguiu escrever um livro inteligível para leigos. Uma nova história do tempo é relativamente fácil de entender, pelo menos para o leitor minimamente familiarizado com as questões abordadas.
 
A nova obra do físico britânico é uma versão mais acessível e atualizada de Uma breve história do tempo . Ele volta às questões que norteavam esse livro de 1988: De onde viemos? Para onde vamos? Por que o universo é assim e não de outro jeito? Como ele começou e como vai terminar?
 
Para tornar a discussão mais palatável, Hawking recorreu à ajuda do físico Leonard Mlodinow, ex-professor do Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech) e autor de livros de divulgação científica e roteiros de ficção científica para a cultuada série de TV Jornada nas Estrelas .
 
Uma nova história do tempo procura mostrar como a quantas anda o progresso na física teórica e experimental no esforço para produzir uma teoria que unifique todas as forças da natureza e consiga explicar a origem e o destino do universo. Para isso, os autores fazem um breve apanhado da história da cosmologia, da teoria aristotélica dos quatro elementos aos últimos avanços da teoria das supercordas.
 
Os primeiros capítulos contam como a física se desenvolveu desde o pensamento aristotélico, no século 4 a.C., passando pela teoria heliocentrista de Copérnico, pela gravitação universal de Newton e, finalmente, pela relatividade de Einstein. Os autores explicam também o surgimento da mecânica quântica no início do século 20, quando Heisenberg formulou seu princípio da incerteza e modificou radicalmente a maneira como os físicos viam o mundo.
 
O livro é recheado de imagens e gráficos que ajudam a entender os conceitos apresentados. A foto acima oferece uma tradução visual do princípio da incerteza de Heisenberg, segundo o qual não se pode determinar com exatidão a posição e a velocidade de uma partícula simultaneamente.
Essa teoria abalou profundamente a crença de que haveria uma teoria unificada que explicasse os fenômenos naturais e pudesse prever tudo o que acontece no universo. O princípio da incerteza postula que é impossível determinar a velocidade e a posição de uma partícula ao mesmo tempo. Com isso, o universo ganhou um fator de imprevisibilidade inerente a sua formação. Seria assim, impossível determinar suas condições futuras.
 
Falando em futuro, para os fãs de ficção científica, os autores dedicam um capítulo inteiro às viagens ao tempo. Seja através da relatividade ou dos chamados buracos de minhoca, as leis físicas admitem a possibilidade de viagens para o futuro e, até que se prove o contrário, também para o passado.
 
Hawking e Mlodinow explicam de forma simples todos os conceitos que mencionam. A definição do princípio da incerteza nesse novo livro é bem mais clara que a do anterior, bem como a explicação da dualidade onda/partícula. Os autores aproveitam para atualizar o livro com novos conceitos da teoria das supercordas surgidos desde 1988.
 
A maior parte dos conceitos apresentados no livro é acompanhada de fotos, gráficos e ilustrações, algumas até dispensáveis. Apesar da clareza do texto, o leitor talvez precise de um bom grau de abstração para compreender as teorias mais recentes mencionadas no livro. Para compensar a aridez dos conceitos discutidos, os autores recorrem com freqüência ao bom humor. Ao falar sobre antimatéria, por exemplo, eles deixam uma advertência: se você encontrar seu anti-eu feito de antipartículas, não aperte a mão dele, ou os dois desaparecerão numa explosão de energia!

Uma nova história do tempo
Stephen Hawking e Leonard Mlodinow
(tradução: Vera de Paula Assis)
Rio de Janeiro, 2005, Ediouro
Tel.: (21) 3882-8416
176 páginas – R$ 39,90



Franciane Lovati
Especial para a CH On-line
26/12/2005

 
Ações do documento